Portes Grátis a partir de 50€ para Portugal Continental

O que ter em atenção na compra de uma cadeira auto

O que ter em atenção na compra de uma cadeira auto

Este é um mundo a parte, que deve ser tido em alta consideração, uma vez que é sobre a segurança e vida das nossas crianças que estamos a lidar.

Apesar de a lei, infelizmente, permitir o uso de sistemas de retenção a favor da marcha após os 9kg, isso não é de todo seguro.

Países consciencializados para esta questão, como a Suécia e a Noruega, não tem mortes de crianças na estrada porque nao usam crianças em FF. Não é seguro, não se usa!

Está provado que viajar com as crianças em contra marcha, até ao mais tarde possivel salva vidas. Salva a vida do seu filho.

E há, infelizmente, pais que perderam os seus filhos devido a acidentes de viação, e que tentam alertar o mundo para que não sofram como eles. Exemplo disso: https://www.facebook.com/Gabrielelvikingo/

O Gabriel ficou pentaplégico, o efeito de uma decapitação interna. Ia numa Pallas e acabou por morrer pouco tempo depois.

Se for ao Google procurar existem imensos casos de crianças que morreram ou ficaram com lesões bastante graves por ir cedo demais em FF. 

As crianças devem ter 3 cadeiras, mediante o seu crescimento e desenvolvimento:

  • 0+ (ovo)
  • 1/2 (cadeira auto)
  • 2/3 (cadeira com costas e elevatória)

Idade, peso e altura das crianças

O percentil das crianças pode ser um indicador importante para a escolha da cadeira, uma vez que um bebe de percentil 15 e um de 95 são bem diferentes, e podem atingir o limite da cadeira por altura ou peso. Podemos adequar a melhor cadeira possível, tendo em conta cada criança, casos concretos.

 

ISOFIX

Há duas normativas europeias em vigor, R44/014 e R129 (isofix).

Os actuais carros tem isofix, e a normativa R129 vem para substituir a R44.

Isofix é uma forma de instalação de cadeiras no carro, que tenta ao máximo evitar erros de instalação humana, para maximizar a segurança.

As cadeiras com a nova normativa vem com limites de 18kg ou 105cm (cerca de 4 anos).

“As cadeiras homologadas são testadas?

Sim. Todas as cadeiras homologadas pelas normas R44/04 e R129 (i-Size) passam por testes antes de serem aprovadas. Porém, esses testes não são considerados suficientes por algumas organizações independentes. Acredite se quiser, mas a norma R44/04 não exige teste de impactos laterais para aprovar as cadeiras, por exemplo.

Os testes de homologação não são muito exigentes, e não visam, a segurança. A lei, inclusive, permite que as crianças viagem a favor da marcha após os 9kg.

Existem testes complementares de várias entidades, com velocidades e testes de impacto com Dummies, como o caso da ADAC ou do Selo Plus Test, que avaliam mais detalhadamente a segurança das cadeiras auto.

A ADAC realiza testes para medir o impacto frontal e lateral. As cadeiras são compradas de forma anónima no mercado e são colocadas à prova em condições extremas. Além de realizar um número maior de testes, as velocidades nos testes de impacto são superiores às exigidas pelas normas de homologação.

 

PLUS TEST

O selo Plus Test é o que garante que a criança não seja exposta a altas forças no pescoço sempre seguindo as instruções de instalação do fabricante.

Teste complementar aos da normativa europeia. Mais segurança garantida, assim como outros independentes que existem.

Apenas cadeiras de RF exclusivo podem ter Plus test. E apenas sabemos as cadeiras que foram aprovadas com o selo. São as próprias marcas que se candidatam a esta análise.

O teste em si consiste em simular uma colisão frontal a 56,5 km/h, com uma distância de travagem curta e forte, tornando o impacto ainda mais grave.

 

RF até 18 ou 25kg

Existem cadeiras com RF até aos 18 ou 25kg, o percentil do bebe pode ajudar a limitar opções.

18kg é cerca de 4 anos.

25kg é cerca de 6 anos.

 

Rotação

Há cadeiras que possui uma base com rotação. Estas cadeiras tem de ser instaladas com Isofix.

 

Orçamento disponível

Há cadeiras com plus test e RF prolongado até 18kg a partir de 190eur até quase 600eur, mediante os requisitos necessários.

 

Cadeiras usadas

A Britax, por exemplo, recomenda trocar a cadeira auto com um acidente/embate a 10km/h.

Nunca se deve comprar cadeiras usadas, uma vez que nunca saberemos se já estiveram envolvidas em situações de risco, que possam colocar a segurança da nossa criança em causa.

 

Validade nas cadeiras?

As cadeiras tem uma vida útil. Cerca de 6 a 8 anos. A maioria são 4 anos. Deve verificar a data de fabrico e as instruções do fabricante.

Os plásticos e as espumas danificam ao estar no ambiente do carro, calor, sol, frio, humidade. O que com o passar dos anos pode comprometer a segurança das crianças e a resposta em caso de embate.

Nunca facilite.

 

Precisa de vídeos?

 

 

 

 

 

 

Pesquisar no nosso site

Carrinho de Compras