Portes Grátis a partir de 50€ para Portugal Continental

O que são os óleos essenciais?

O que são os óleos essenciais?

Os óleos essenciais são óleos obtidos a partir de plantas, flores, folhas, frutos, sementes, raízes, cascas através de diversos métodos de extração, como é o caso da destilação por arrastamento de vapor de água, expressão a frio das cascas de citrinos e por extração de substâncias gordas.

 

 

São compostos químicos naturais, complexos e altamente voláteis. São caracterizados por um aroma forte e com propriedades que nos podem ajudar ao nível físico e emocional.

Existem óleos essenciais a serem utilizados pela indústria alimentar, farmacêutica e perfumaria – de onde vem o maior consumo de óleos essenciais do mundo.


Esta utilização pode ser feita de variadas formas, sendo as mais frequentes a inalação e aplicação cutânea.

O uso seguro recomenda o mais diferido e eficaz possível, assim: difusor, inalador, aplicação tópica e em SOS, extrema necessidade e COM O DEVIDO ACOMPANHAMENTO POR AROMATERAPEUTA ESPECIALIZADO: ingestão.

Todos sabemos que as plantas e a natureza tem imenso para nos dar. Sabemos que uma boa base alimentar nos ajuda a diversos níveis e sabemos que os chás tem em si inúmeros benefícios para a nossa saúde.

De forma semelhante, mas muito mais poderoso, cada óleo essencial, de acordo com a sua composição química, atua de forma diferente no nosso organismo, com propriedades distintas. Os óleos podem, ser utilizados sozinhos ou combinados com entre si , em sinergias, conferindo outros resultados igualmente benéficos.

 

A Aromaterapia é o ramo da Fitoterapia que estuda as substâncias aromáticas para promover a saúde e bem-estar.

Utiliza óleos essenciais aromáticos com eficácia terapêutica para melhorar a saúde do corpo, mente e espírito.

Tem vindo a ganhar reconhecimento nos campos da ciência e da medicina, muito embora o seu uso remonte há milhares de anos atrás.

 

 

Os óleos essenciais são utilizados sempre tendo em mente um objetivo concreto, uma necessidade, e tendo em atenção quem deles precisa.

É, naturalmente diferente, ser uma criança, um adulto saudável, ou um idoso a utilizar os óleos essenciais, da mesma forma que com os medicamentos não podemos utilizar a mesma posologia nem dosagens.

A aromaterapia não substitui a medicina. Não é possível não se ter um diagnóstico. É uma complementariedade de tratamentos e cuidados.


Alguns exemplos de aplicações dos óleos essenciais:

  • dores
  • rinite/sinusite
  • sono
  • reduzir o stress, agitação e ansiedade
  • diminuir processos inflamatórios
  • combater bactérias, vírus ou fungos
  • regulação do aparelho gastrointestinal
  • recuperação de problemas respiratórios
  • aumentar a imunidade
  • cicatrização de feridas ou outros problemas cutâneos (tratamento de eczemas, verrugas, pele atópica e anti-rugas)
  • fortalecimento capilar
  • controlo de problemas hormonais
  • potenciar concentração, criatividade e sensação bem-estar
  • limpeza e desinfeção
  • repelente e tratamento de picadas (melgas, piolhos,…)
  • promoção da circulação sanguínea 
  • melhoria significativa nos problemas infantis mais frequentes (varicela, vírus mão-pé-boca, otites, infeções urinárias, gastroenterites, gripes e constipações, entre outros).

A utilização dos óleos essenciais deve sempre procurar a segurança.

Se precisar de mais algumas informações, pode perguntar e acompanhar a página AQUI.

 

 

 

 

Pesquisar no nosso site

Carrinho de Compras